Início Tags Marcados com tags "prosperidade"

prosperidade

  • Todo o estudo da economia se iniciou de uma tentativa de entender o que faz com que algumas regiões do mundo sejam mais prósperas do que outras. Em 1776, Adam Smith escreveu sua magistral obra Uma investigação sobre a natureza e as causas da riqueza das nações. Pensadores anteriores a ele já haviam tratado de assuntos que hoje colocaríamos sob o escopo dessa ciência, mas o trabalho de Smith desencadeou…

  • O excelente artigo de Robert Colvile tratando da incompreensão do príncipe Charles sobre as causas da pobreza africana oferece uma boa oportunidade para examinar mais de perto a história econômica de África. A pobreza africana não foi causada pelo colonialismo, capitalismo ou pelo livre comércio. Como observei anteriormente, muitas das antigas dependências europeias tornaram-se ricas precisamente porque mantiveram muitas das instituições coloniais e participaram no comércio global. A pobreza africana…

  • Neste último final de semana, a The Economist publicou um curto vídeo em sua página no Facebook chamado “O ano do 1%”. O vídeo mostra um gráfico sobre o planeta Terra vista do espaço enquanto uma voz narra: 2016 está marcado para ser um mundo mais desigual do que nunca. Pela primeira vez, o 1% mais rico desfrutará de uma fatia maior da riqueza global do que os outros 99%.…

  • Já escrevi anteriormente que muitas nações europeias estão condenadas ao caos demográfico e ao caos fiscal, mas muita gente não se importa tanto com o futuro. Bernie Sanders, por exemplo, olha para nações como Dinamarca e Suécia de hoje e diz que os Estados Unidos deveriam copiar seus caros Estados do bem-estar social. Ele tem razão? Bom, depende dos parâmetros. Se, por qualquer razão, alguém estivesse segurando uma arma contra…

  • Toda vez que há uma discussão sobre as nações nórdicas, eu me sinto confuso. Eu não gosto de impostos punitivamente altos e níveis de redistribuição social destrutivos em nações como a Dinamarca, mas eu admiro as políticas de laissez-faire que esses países têm em relação a regulamentação, comércio e direitos de propriedade. De fato, nesses últimos pontos, vale notar que as nações nórdicas são mais economicamente livres que os Estados…

  • Eu não me importo se é chamado de socialismo, fascismo, ou comunismo, estatismo é mau e destrutivo. Tomar parcialmente esse caminho com o “socialismo democrático” pode evitar a brutalidade, mas o resultado final ainda é a miséria econômica. Na esperança de provar o meu ponto, eu utilizo desde humor até análise teórica. Mas minha abordagem favorita, baseada em décadas de experiência em conversas individuais, discursos públicos e briefings pessoais, é…

  • A grande jornalista, novelista e escritora de viagem do século XX Martha Gellhorn (1908 – 1998) estava bem familiarizada com guerras, fome e doença – que ela insistia em ver com seus próprios olhos. Em 1937, ela estava em Madrid e testemunhou o fim obscuro da guerra civil espanhola. Em 1938, ela estava em Praga quando milhares de Tchecos desalojados, que estavam escapando das Sudetas depois do Acordo de Munique,…

  • “O que causa a pobreza? Nada. Ela é o estado original, o padrão e o ponto inicial. Na verdade, a pergunta é: o que causa a prosperidade?” – Per Bylund Pobreza é o estado ou a condição de possuir pouco ou nenhum dinheiro, patrimônio ou meios de suporte. A pobreza inclui elementos econômicos, sociais e políticos. Um padrão de vida pobre pode incluir o acesso restrito a água potável, uma…

  • Durante sua histórica viagem a Cuba, o presidente Obama ouviu críticas de Raul Castro sobre a hipocrisia, “dois pesos e duas medidas”, do governo norte-americano quando o assunto é direitos humanos. Obama respondeu “o presidente Castro apontou que assegurar que todas as pessoas tenham uma educação decente ou acesso à saúde, além de um sistema de previdência, também deveria se enquadrar na categoria de direitos humanos. Pessoalmente, eu não discordo.”…

  • No início deste ano foi publicada uma análise chamada “O acúmulo de riqueza na prática”. Este estudo levou em consideração os dados de 2014, e nele foi evidenciado que o acumulo de riqueza no Brasil estava caindo. Ao atualizá-lo com dados de 2015 observa-se que a tendência continua. Lembrando que o relatório fonte dos dados utiliza informações do meio do ano como base, divulgado anualmente em outubro. Recordando algumas afirmações…

  • Há uns tempos escrevi um artigo sobre as reformas necessárias à resolução das crises político-económicas na zona euro [1]. Apercebo-me que talvez tenha sido inocente ao imaginar que o Estado pudesse de alguma forma recuar na sua coerção sobre o indivíduo, isto é, sem quaisquer “incentivos” para isso. A probabilidade, até à luz de recentes eventos bárbaros, é que os cidadãos, na sua maioria, aceitem sucessivamente mais restrições na sua…