Arquivo de Tags livre-mercado

Como parte da coluna de ontem sobre crescimento global, pobreza e desigualdade, percebi que escrevi muitas colunas sobre política econômica na China, mas não foquei uma só vez na política geral da Índia. Na verdade, uma rápida olhada nos arquivos revela que apenas três colunas chegaram mesmo a abordar políticas específicas na Índia. E todas elas foram negativas. O maltrato do governo indiano às escolas privadas A guerra do governo indiano contra o dinheiro em espécie Um membro indiano do Hall da Fama Burocrata Então é o momento de avaliar a política econômica geral na Índia, o que significa que esta é uma oportunidade para ressaltar que existem alguns desenvolvimentos…

Uma rica mulher de Manhattan morreu semana passada enquanto cozinhava após suas roupas pegarem fogo. A trágica morte foi incomum, mas houve um tempo em que cozinhar era muito mais perigoso e consumia muito mais tempo. Ainda hoje, mais de 4 milhões de pessoas não possuem fogões modernos e por isso morrem prematuramente a cada ano por respirarem a fumaça do cozimento. Cozinhar não só era perigoso, mas não deixava tempo para muito mais coisa. Como observou a professora Deirdre McCloskey, “nos anos 90 uma família americana tradicional de classe média gastava 44 horas [por semana] preparando comida,” e a maior parte desse trabalho ficava para as mulheres. Em outras…

Saudações da gelada Minnesota. Estou nesse pedaço de terra que se soltou do Polo Norte para falar em audiência diante das comissões tributárias do Senado e da Câmara dos Deputados sobre assuntos relacionados à curva de Laffer. Em outras palavras, discutirei como os governos deveriam medir o impacto de mudanças em políticas tributárias sobre a receita – o que é também conhecido como o debate do enquadramento dinâmico ou estático. A maioria dos governos, incluindo o pessoal de Washington, supõe que a política tributária não tem nenhum impacto na economia. Assim, é relativamente fácil de medir o quanto a receita subirá ou cairá quando a política tributária for alterada. Além…

Já escrevi anteriormente que muitas nações europeias estão condenadas ao caos demográfico e ao caos fiscal, mas muita gente não se importa tanto com o futuro. Bernie Sanders, por exemplo, olha para nações como Dinamarca e Suécia de hoje e diz que os Estados Unidos deveriam copiar seus caros Estados do bem-estar social. Ele tem razão? Bom, depende dos parâmetros. Se, por qualquer razão, alguém estivesse segurando uma arma contra minha cabeça e exigisse que copiássemos as políticas de alguma nação da União Europeia, os países nórdicos estariam entre minhas primeiras escolhas. Sim, seus Estados de bem-estar social são grandes demais, mas eles de alguma forma compensam esse erro ao…

Eu não me importo se é chamado de socialismo, fascismo, ou comunismo, estatismo é mau e destrutivo. Tomar parcialmente esse caminho com o “socialismo democrático” pode evitar a brutalidade, mas o resultado final ainda é a miséria econômica. Na esperança de provar o meu ponto, eu utilizo desde humor até análise teórica. Mas minha abordagem favorita, baseada em décadas de experiência em conversas individuais, discursos públicos e briefings pessoais, é compartilhar comparações entre países. Tais evidências do mundo real parecem ser as mais persuasivas. Então está na hora de aumentar essa coleção. Vamos voltar em 2011, quando Catherine Rampell estava com o The New York Times e escreveu uma coluna…

Em um artigo recente no The Walrus, Jonathan Kay escreveu: Se a classe alta canadense achasse que o seu sustento como, digamos, advogados ou médicos fosse ameaçado por competidores completamente descredenciados, eles esperneariam horrores (em ambos os casos, de fato, os incumbentes já possuem guildas cuja única função é restringir a entrada de novos profissionais). Não é necessário mencionar que para se tornar um médico ou advogado é preciso muito mais capacitação do que um taxista. Mas em todos os casos, há um investimento inicial enorme, seja ele em educação ou dinheiro. Há poucos alguns anos atrás, os taxistas de Toronto pagavam $340.000 por uma licença. Em 2015, o valor…

Na próxima vez que sair as compras, dê uma bisbilhotada na conversa entre o balconista e o cliente que estão à sua frente. Você provavelmente irá escutar o balconista dizer algo como “Obrigado por comprar na Acme” enquanto repassa o troco e os recibos. E os clientes? Frequentemente irão responder com outro “obrigado”. Não com um “de nada”, ou até mesmo “sem problemas”, mas com outro “obrigado”. Para ouvir “de nada” em um espaço público, ouça o diálogo quando um cadeirante está tentando abrir a porta e outra pessoa se oferece para segurá-la aberta. Estou confinado a uma cadeira de rodas pelos últimos três anos, e posso lhe garantir que…

Esse artigo é o último de uma série de três que, todos juntos, foram originalmente publicados como o ensaio The House That Uncle Sam Built no Foundation for Economic Education. O primeiro artigo foi publicado no dia 23 de março, e o segundo no dia 5 de abril. Desregulamentação, a falsa culpada É nitidamente incorreto afirmar que a crise atual foi produzida pela desregulamentação. Enquanto é verdade que novos instrumentos como os swaps de crédito não foram sujeitos a uma grande quantidade de regulamentação, isso ocorreu em grande parte porque eram novos. Além do mais, a sua mera existência foi uma consequência não intencional de todas as outras regulamentações e…

Esse artigo é o segundo de uma série de três que, todos juntos, foram originalmente publicados como o ensaio The House That Uncle Sam Built no Foundation for Economic Education. O artigo anterior foi publicado no dia 23 de março. E a habitação? Com a política monetária tão expansiva, o mercado imobiliário recebeu sinais incorretos e contraditórios. Por um lado, o mercado imobiliário e setores relacionados receberam uma luz verde gigante para expandir. É como se o Fed tivesse fornecido para eles uma abundância de madeira e incentivado que construíssem sua casa econômica tão grande quanto quisessem. Isso teria feito sentido se o aumento no fornecimento de madeira (capital) tivesse…

Introdução O tema de “A Casa Que O Tio Sam Construiu: A História Não Contada da Grande Recessão de 2008” é de que políticas governamentais, e não falhas do livre mercado causaram o trauma econômico que nós estamos vivenciando. Nós não vivemos em um livre mercado. Nós vivemos em uma economia mista. A mistura varia com o setor. O setor tecnológico é primariamente livre. Os serviços financeiros são primariamente governo. Não é surpresa que o segmento da economia mais regulado e controlado pelo governo, o de serviços financeiros, foi o que teve os maiores problemas. Esses problemas foram criados por ações do Federal Reserve combinados com políticas governamentais de habitação…

Os esquerdistas são mestres da indignação. Eles veem injustiça em toda parte – política, economia, vida profissional, sociedade – onde quer que humanos estejam interagindo uns com os outros. Independentemente do contexto, a solução que propõem é sempre a mesma: mais regulamentação governamental. Os esquerdistas também amam usar a linguagem dos "direitos": "As pessoas têm direito à assistência médica. Elas têm direito a um emprego. Elas têm o direito a um salário mínimo. É uma questão de justiça." Enquanto essas afirmações certamente parecem positivas, existe um problema: Elas ignoram a realidade. Antes de falar de "como as coisas deveriam ser", parece-me mais oportuno primeiro entender "como as coisas, de fato,…

Close
MENUMENU