Artigos de Ricardo Almeida

Uma das explicações mais famosas descritas por Bastiat é a falácia da janela quebrada.  Bastiat não era somente um excelente economista, era também um exímio contador de estórias.  O argumento cita o filho de um carpinteiro, Jacques Bonhomme, que, ao jogar bola, quebra uma janela.  O carpinteiro então, teria que contratar os serviços do vidraceiro e comprar o vidro.  O vidraceiro, por sua vez, fica contente na mesma proporção da fúria de Jacques Bonhomme.  Ele compra seu jornal, leite, sustenta a sua família.  O jornaleiro, o leiteiro, o padeiro, todos fazem o mesmo.  A economia gira em função da janela que se quebrou.  O que seria então, do vidraceiro se…

Adam Smith

Muitos já ouviram falar do filósofo escocês Adam Smith.  O que ele fez colocou a pequena cidade de Edimburgo, onde começou sua carreira acadêmica, no mapa mundial.  Por suas contribuições, Adam Smith é considerado hoje um dos pais da economia moderna, e sem dúvida nenhuma, o pioneiro da economia política.  Seus livros A Teoria dos Sentimentos Morais e A Riqueza das Nações são referências até hoje.  Mas como um filósofo que morreu em 1790 ainda é relevante em 2015? Adam Smith não tentava descobrir teorias para manipular as pessoas.  Ele tampouco tentava forçá-las a agir de forma diferente do seu estado natural.  O que Adam Smith fez muito bem foi observar o…

Close
MENUMENU