Se você amarrar as pernas e os braços do nadador medalhista de ouro Michael Phelps, sobrecarregá-lo com correntes, jogá-lo numa piscina e ele afundar, você não chamaria isso de 'fracasso da natação'. Então, quando o mercado é sobrecarregado com regulações ineptas e excessivas, por que chamar isso de 'fracasso do capitalismo'?

Peter Boettke