Artigos de Donald Boudreaux

Este artigo é uma compilação com algumas perguntas respondidas por Don Boudreaux, professor da Universidade George Mason, Cátedra Getchell para o Estudo do Capitalismo de Livre Mercado do Mercatus Center em um Ask Me Anything - AMA realizado em um fórum online da Foundation for Economic Education. Ask Me Anything é traduzido como "pergunte-me qualquer coisa", e é um tópico de fórum em que um participante se dispõe a responder qualquer questão dos demais. Como podemos espalhar a ideia de que o capitalismo tem sido a força motriz do progresso humano de uma maneira que encontre acolhida entre nossos amigos da esquerda? Ótima pergunta. Nós apenas podemos fazer o que…

Meu colega Gordon Tullock é conhecido, com justiça, por seu importante papel no estabelecimento de bolsas de estudos sob a perspectiva da teoria econômica da "Escolha Pública". Mas se você pedir aos economistas que citem, especificamente, a contribuição teórica pela a qual Gordon é mais conhecido, a maioria provavelmente afirmaria que é o rent-seeking. Embora jamais tenha cunhado esse termo — que foi introduzido neste artigo de 1974 por Anne Krueger, Gordon apresentou o seu conceito no artigo "The Welfare Costs of Tariffs, Monopolies and Theft", publicado em 1967 no Western Economic Journal. A ideia é tão brilhante e importante quanto simples. E, como tantos conceitos importantes, é óbvia quando…

Meu filho de 19 anos, Thomas – pelo qual eu tenho todo o orgulho que um pai pode ter de seu filho – é um astrofísico promissor. Seu interesse profissional reside puramente nas ciências exatas e na matemática. Mesmo assim, seu conhecimento de economia é profundo. (Sim, eu estou contando vantagem. Mas é considerado contar vantagem quando é verdade?) Thomas entende com naturalidade a inevitabilidade dos trade-offs, ele compreende que não existe tal coisa como almoço grátis (ou qualquer coisa grátis), ele entende , ele é realista o suficiente para entender que para cada incentivo perverso que existe no setor privado, existem 1.001 incentivos perversos no setor público, e Thomas…

Em O Caminho da Servidão, F.A. Hayek traz um argumento elaborado e importante que é bem resumido, eu acho, por essa observação chave de David Friedman (recentemente mencionado em um comentário nesse post, por Walter Clark): Economistas são frequentemente acusados de acreditar que tudo – saúde, felicidade, a própria vida – possa ser medido em dinheiro. O que realmente acreditamos é, na verdade, ainda mais estranho. Acreditamos que tudo pode ser medido em qualquer coisa. Dentre os muitos benefícios de um sistema de preços desimpedidos por controles de preços impostos pelo governo é que preços definidos pelo mercado permitem que cada comprador pague pelas coisas que compra com os bens…

Muita gente me pediu uma ponderação do recente ensaio de Noah Smith entitulado "A maior parte do que você aprende em Econ 101 está errado"1. De certo modo, eu já fiz isso em dois posts de algumas semanas atrás. Eles estão aqui e aqui. Apesar de não terem sido escritos como resposta direta a Smith, esses meus dois posts do blog foram de fato escritos em resposta ao argumento que Smith usa, já que é um argumento frequentemente empregado por aqueles que resistem à recomendação de humildade que um bom curso de princípios microeconômicos oferece a seus alunos. Não tenho mais nada de valor a acrescentar ao que escrevi algumas…

Close
MENUMENU