Na economia de mercado não há outro meio de adquirir e preservar riqueza, a não ser fornecendo às massas o que elas querem, da melhor e mais barata maneira possível.

Ludwig von Mises
parlamento alemão

Até recentemente, a Alemanha tem sido o carro chefe aparentemente inquebrável que tirou a economia europeia da beira do abismo e manteve-a em meio a uma miríade de pressões internas e externas, bem como crises políticas, ao longo da última década. Como líder incontestável do bloco, o país liderou e apoiou planos de resgate para os elos mais fracos da zona do euro, bem como uma série de políticas controversas que trabalham para uma maior centralização dentro da União Europeia. Contudo, com nuvens se acumulando sobre os céus da Alemanha, preocupações sobre potenciais efeitos negativos sobre toda a união monetária têm sido levantadas. Ficando abaixo das expectativas As tensões comerciais,…

É aniversário de Ricardo. Ou pelo menos seria, se ele ainda vivesse. Esse economista clássico está morto há quase 200 anos, mas suas percepções e teorias permanecem com valor imensurável até hoje. Ricardo foi, em vários aspectos, um economista distinto. Nascido numa grande família judia da Sefardita, recebeu pouca educação formal, e ao invés disso se juntou a seu pai na Bolsa de Valores de Londres quando tinha 14 anos. Ricardo é uma exceção entre economistas ao acumular uma vasta fortuna pessoal, em grande parte devido a especulações certeiras na bolsa de valores. Seu interesse pela economia foi provocado pelo acaso de sua leitura de A Riqueza das Nações ao…

As pessoas às vezes me perguntam: “Qual é o conceito mais importante na economia política?” A resposta é fácil, mas sutil: inovação sem permissão, uma crença dominante em permitir experimentos com novas tecnologias e com novas plataformas de negócios que utilizem essas tecnologias. Muito tem sido escrito sobre por que esse vago conceito é tão poderoso (meu guru sobre o tema é Adam Herer, autor de Permissionless Innovation). A ideia está no cerne do que Friedrich Schiller, filósofo e poeta alemão, escreveu em uma carta a um amigo em 1793, onde descreve a beleza do "Englische Tanze" (dança inglesa): Eu não conheço uma imagem melhor para o ideal de uma…

Uma tragédia comum à história humana está se desdobrando na Venezuela. É impossível prever como isso terminará ou qual será o custo humano final. Enquanto assistimos aos eventos e esperamos por uma resolução pacífica que restaure a liberdade na Venezuela, aqui estão alguns fatos notáveis sobre a Terra da Graça. A Venezuela tem as maiores reservas de petróleo do mundo. Enquanto os EUA são os maiores produtores de petróleo, suas reservas totais representam apenas uma fração – cerca de 10% – dos 300 bilhões de barris de petróleo da Venezuela (fonte: UPI). Na Venezuela hoje, a renda mensal média é de US$ 8 (fonte: FEE). Um saco de 1 Kg…

Já está publicado o ranking de liberdade econômica 2019, elaborado pela Heritage Foundation. A edição especial desse ano comemora 25 anos de publicações do ranking. Enquanto celebra-se a conquista de um quarto de século de divulgações anuais, com uma edição melhor do que nunca, o mesmo não pode se dizer sobre a liberdade econômica global. Com a média global caindo 0,3 pontos, de 61,1 para 60,8, a pontuação média dos 186 países analisados ainda está entre as três maiores desde o início do ranking. Porém, qualquer queda deve servir como alerta. Os principais culpados pelo decréscimo da média global neste ano foram a eficácia judicial, que reduziu em 2,2 pontos,…

A China vivenciou o maior avanço contra a pobreza de todos os tempos, em parte graças à expansão industrial que se seguiu à liberalização econômica dos anos 80. Entretanto, há um equívoco comum relacionado com as consequentes condições de trabalho: muitos imaginam que todas as fábricas chinesas possuam péssimas condições de trabalho em que os trabalhadores são explorados para servir à “ganância” dos capitalistas. Isto, entretanto, é ignorar as próprias experiências dos trabalhadores. A perspectiva do trabalhador “A narrativa simplista igualando a demanda ocidental e o sofrimento chinês é tentadora”, diz a escritora Leslie T. Chang. “Mas também é equivocada e desrespeitosa.” “Os trabalhadores chineses não são empurrados para as…

"No longo prazo, estaremos todos mortos." Este parece ter sido o norte de criação do nosso sistema previdenciário. Sem entender plenamente a que os outros economistas se referiam por "longo prazo", o economista John M. Keynes utilizou essa frase em 1923 para dizer que devemos analisar choques na economia (como políticas públicas) principalmente por seus efeitos mais imediatos. Quase um século mais tarde, essa forma de encarar políticas públicas é o modus operandi de governantes que querem gastar extravagantemente e deixar a conta para depois do seu mandato. Mas no que tange o sistema previdenciário, Keynes já morreu (como ele mesmo havia previsto), o longo prazo chegou, e aqui estamos…

O Uber é uma empresa sob ataque dos políticos e da mídia. Muitos políticos, como Bill De Blasio, querem restringir seu crescimento para proteger as empresas de táxi existentes. Outros querem desestabilizar seu modelo de negócios ao exigir que os motoristas que usam seus dispositivos sejam funcionários e não autônomos. O New York Times recentemente publicou uma história claramente sugerindo que a empresa estivesse usando truques psicológicos injustos para levar seus motoristas a continuar pegando passageiros. Essas queixas não têm mérito. Proteger empresas estabelecidas contra novos concorrentes é uma forma clássica de se prejudicar os consumidores. Os motoristas do Uber não atendem aos critérios tradicionais para serem reconhecidos como empregados…

Há muito tempo o presidente Trump embrulha a sua retórica protecionista com a nossa bandeira, como se fosse uma necessidade para os Estados Unidos "ganharem" novamente. Contudo, a ideia de que se deve preferir os "bons" produtores americanos aos "maus" produtores estrangeiros para o bem de nosso país confunde quem são os amigos e os inimigos dos consumidores americanos quando o assunto é comércio internacional. Essa é uma questão bastante importante, pois indivíduos são mais semelhantes quando são consumidores. Como escreveu Leonard Read, fundador da Foundation for Economic Education: "O interesse do consumidor é a premissa a partir da qual todo o pensamento econômico deve originar-se." Isso significa que, como…

Os temores acerca da inteligência artificial parecem estar em todos os lugares. Um dos seus redutos favoritos é o Amazon.com, onde vários livros – como o Rise of the Robots de Martin Ford – preveem o fim do trabalho. Eles seguem um caminho bem feito. Vinte e dois anos atrás, Jeremy Rifkin escreveu The End of Work. Quase imediatamente, entramos em um dos maiores períodos de criação de emprego na história. O fim do trabalho é algo que nunca precisamos temer. Ele não se esgotará até não haver mais nada que queremos. Trabalhos são apenas coisas que fazemos Trabalhos são apenas tarefas que realizamos para produzir e obter as coisas…

Ludwig Von Mises (1881-1973) foi o maior pensador social do século XX. Em uma série de contribuições inovadoras como a "Teoria do Dinheiro e do Crédito", "Socialismo: uma Análise Econômica e Sociológica", "Ação Humana" (sua obra magna) e "Teoria e História" - para não falar de uma série de menores e não menos perspicazes trabalhos, como "Burocracia e Governo Onipotente" - Mises desenvolveu teorias sobre o crescimento econômico e sobre ciclos econômicos que são relevantes hoje. Atualmente, qualquer um com acesso à internet pode acessar seus trabalhos com pouco ou nenhuma dificuldade. Qualquer um com uma saída USB pode carregar seus melhores trabalhos num pendrive. O progresso que tornou isso…

Este artigo é uma compilação com algumas perguntas respondidas por Don Boudreaux, professor da Universidade George Mason, Cátedra Getchell para o Estudo do Capitalismo de Livre Mercado do Mercatus Center em um Ask Me Anything - AMA realizado em um fórum online da Foundation for Economic Education. Ask Me Anything é traduzido como "pergunte-me qualquer coisa", e é um tópico de fórum em que um participante se dispõe a responder qualquer questão dos demais. Como podemos espalhar a ideia de que o capitalismo tem sido a força motriz do progresso humano de uma maneira que encontre acolhida entre nossos amigos da esquerda? Ótima pergunta. Nós apenas podemos fazer o que…

Albert Einstein supostamente definiu a insanidade como “fazer a mesma coisa repetidas vezes e esperar resultados diferentes.” No entanto, como a implosão econômica da Venezuela nos lembra, parecemos ser incapazes de parar de repetir o mesmo erro terrível: tentar fazer o socialismo funcionar. Para explicar nossa insana fascinação com o socialismo, destaco um crescente conjunto de pesquisas acadêmicas que sugerem que nós somos, naturalmente, invejosos e ressentidos em relação às pessoas que acumulam riqueza e poder “desproporcionais”. Além disso, pesquisas sugerem que temos dificuldade de compreender, muito menos simpatizar, com o que Friedrich Hayek chamou de ordem espontânea – ou o uso da especialização e do comércio para criar “um…

Um dos desenvolvimentos mais notáveis ​​no mundo da política fiscal é que, mesmo as burocracias internacionais de esquerda estão começando a aceitar os limites de gastos, como a única regra efetiva e bem sucedida para a política fiscal. O Fundo Monetário Internacional é infame porque os altos funcionários defendem implacavelmente os aumentos de impostos, mas os economistas profissionais da organização concluíram em dois estudos separados (ver aqui e aqui) que os limites das despesas produzem bons resultados. Do mesmo modo, os membros políticos da Organização de Cooperação e Desenvolvimento Econômico geralmente promovem uma agenda pró-aumento de impostos, mas os economistas profissionais da organização em Paris também produziram estudos (veja aqui…

Liberdade Econômica no Mundo 2018

Todo o estudo da economia se iniciou de uma tentativa de entender o que faz com que algumas regiões do mundo sejam mais prósperas do que outras. Em 1776, Adam Smith escreveu sua magistral obra Uma investigação sobre a natureza e as causas da riqueza das nações. Pensadores anteriores a ele já haviam tratado de assuntos que hoje colocaríamos sob o escopo dessa ciência, mas o trabalho de Smith desencadeou uma discussão acadêmica que perdura até hoje, tanto para responder essa questão inicial como tantas outras que foram descobertas no processo. E é a essa discussão, e a toda a pesquisa que a acompanha, que chamamos de ciência econômica. Infelizmente,…

O seu chefe deveria lhe dizer como você irá votar? Ainda que fazer esta pergunta seja absurda hoje, nem sempre foi assim. Antes da revolução industrial, os trabalhadores eram bastante desamparados tanto pelas leis quanto pela sociedade. As primeiras iniciativas inglesas a favor da democracia republicana explicitamente excluíam os trabalhadores do direito de votar, porque eles eram considerados servos de seus patrões, e presumia-se que eles seguiriam os interesses dos patrões em todos os assuntos, incluindo o voto. As coisas melhoraram extraordinariamente para os trabalhadores desde então, mas a estrutura empregado/patrão nas relações de trabalho ainda existe atualmente, na forma de leis e regulações de trabalho obsoletas. A jurisprudência de…

Close